Categoria: Desempenho Sexual

Dicas Para Melhorar o Desempenho Sexual com Exercícios

Poder melhorar o desempenho sexual não só nos dá mais prazer, mas também gera uma série de reações que nos proporcionam bem-estar físico e mental.

Graças a performances sexuais satisfatórias , fortalecemos o entendimento com nosso parceiro e criamos um vínculo que fortalece os sentimentos.

No entanto, por mais que desejemos, às vezes nos sentimos muito cansados ​​e nosso desempenho sexual é prejudicado.

Isso pode ser devido ao estresse adquirido durante o dia, aos esforços físicos, ao estilo de vida sedentário a que estamos acostumados ou às mudanças biológicas que o corpo sofre com a idade.

Alguns não sabem que existe uma grande variedade de exercícios que trabalham os músculos que participam do ato sexual e, portanto, servem para melhorar seu desempenho.

Além disso, a maioria deles estimula a liberação de endorfinas e contribui para aumentar a libido e a excitação sexual. Abaixo, queremos compartilhar os 5 melhores exercícios que o ajudarão a melhorar seu desempenho sexual.

Outra coisa importante de você saber é que o estimulante sexual natural sildenax funciona muito bem juntamente com esses exercícios, ele ajuda a melhorar a qualidade da ereção, retardar a ejaculação e dar mais vigor na hora do sexo.

1. Faça agachamentos para um melhor desempenho sexual

O agachamento é famoso por ser um dos melhores exercícios para fortalecer os músculos das pernas e das nádegas.

Além de melhorar a aparência estética dessas partes do corpo, no entanto, esses exercícios, se realizados regularmente, melhoram a circulação e aumentam a excitação durante o sexo. Eles tonificam o corpo e o preparam para suportar certas posições por mais tempo.

Como eles são feitos?

  • Separe os pés na altura dos ombros, mantenha os calcanhares no chão e flexione um pouco os joelhos.
  • Em seguida, levante-se e abaixe-se lentamente como se fosse se sentar, certificando-se de que os joelhos não ultrapassem os pés.
  • Se você quiser aumentar a intensidade do exercício, pode usar pesos.
  • Faça pelo menos 3 séries de 15 repetições cada.

2. Ponte

A elevação da pelve, ou ponte, é uma atividade que torna as nádegas, a parte interna das coxas e os músculos isquio-tibiais mais firmes.

Como o exercício tem como foco o assoalho pélvico, sua realização ajuda a fortalecer os órgãos sexuais femininos, o que leva a orgasmos mais intensos e controlados.

Desde que feito corretamente, este exercício também prepara o corpo para manter certas posições sexuais invertidas.

Como isso é feito?

  • Deite-se em um tapete de ioga, coloque os braços ao lado do corpo e flexione os joelhos.
  • Separe as nádegas e levante a pélvis.
  • Mantenha a posição por cerca de 30 segundos e aumente gradualmente o tempo até resistir por um minuto.
  • Retorne à posição inicial e repita o exercício 3 vezes.

3. Abs

Tanto os técnicos quanto os especialistas em saúde reconhecem que os músculos abdominais são muito usados ​​durante a atividade sexual. Por isso, fortalecê-los ajuda a ter uma maior estabilidade útil para manter diferentes posições.

Como eles acontecem?

  • Deite-se em uma esteira, levante as pernas e estique os braços sobre a cabeça.
  • Em seguida, tente tocar os dedos dos pés com as mãos e repita o movimento 30 vezes.

4. Prancha

A posição de prancha é considerada uma das melhores atividades para fortalecer todos os músculos do corpo e aumentar a resistência. Como requer o uso da parte superior do corpo, fortalece as costas e melhora sua flexibilidade.

Como isso é feito?

  • Coloque as palmas das mãos e os joelhos no chão.
  • Certifique-se de que suas mãos estão separadas na altura dos ombros e estenda as pernas para trás.
  • Fique na ponta dos pés e mantenha as costas em linha reta.
  • Sem levantar muito as nádegas e com o abdômen contraído, mantenha a posição por 20 a 30 segundos.
  • Faça 3 a 5 repetições.

5. Flexões no tríceps

Ter braços fortes e tonificados é muito importante para realizar qualquer tipo de atividade física, inclusive sexo. Trabalhar o tríceps é fundamental para não se sentir cansado ao realizar posições onde a força do braço é importante.

Como eles são feitos?

  • Encoste-se com as mãos na ponta de uma cadeira, mesa ou degrau.
  • Separe as pernas e flexione os joelhos para que formem um ângulo de 90 graus.
  • Uma linha reta deve ser formada entre os joelhos e os tornozelos.
  • Depois de se certificar disso, comece a abaixar os glúteos enquanto mantém as costas retas.
  • Apoie-se por dois segundos e volte à posição inicial relaxando o tríceps sem sair da borda da superfície em que está descansando.
  • Faça duas séries de 20 repetições.

Faça esses exercícios todos os dias e descubra quão positivo é o impacto deles em sua vida sexual.

Dicas Para Combater a Impotência na Meia Idade

A impotência sexual é uma condição que pode causar um verdadeiro estrago na vida de um homem, pois se engana quem acredita que ela tem a ver somente com uma falha no momento do sexo.

O prazer é algo de fundamental importância na vida de qualquer pessoa e quando algo não vai bem em um aspecto da vida, é normal que outros aspectos também sejam afetados.

Dessa forma, não é incomum que homens com impotência desenvolvam também quadros de ansiedade, depressão, baixa autoestima, estresse e muito mais.

Acontece que muita gente pensa, erroneamente, que a disfunção erétil é um problema que afeta somente homens mais velhos e não poderiam estar mais enganados.

Isso porque, embora ela até seja mais comum com o passar do tempo, até mesmo pessoas jovens podem apresentar essa disfunção.

Por isso mesmo, vamos entender melhor com que idade a impotência começa para que seja possível prevenir e estar atendo aos sinais que surgem.

Mas antes de seguir saiba que hoje já existem vários produtos naturais que ajuda no combate a impotência, e o max plus oil funciona melhor que qualquer outro produto para melhorar o desempenho sexual.

Com que idade a impotência se apresenta?

Muita gente se pergunta com que idade a impotência sexual se manifesta e essa é uma dúvida bastante comum.

O fato é que quando o homem já tem uma certa idade, a resposta do seu organismo já não é mais igual a que ele tinha quando era jovem.

Por isso é que sim, a idade é um fator com um importante peso quando o assunto é a impotência sexual.

No entanto, nada disso significa que pessoas mais jovens também não possam manifestar a condição ou que haja uma idade específica para que a impotência apareça.

Da mesma forma, isso não significa que todos os homens acima de 50 anos serão impotentes!

O que se pode dizer cm toda a certeza é que com o passar dos anos, o problema vai ficando mais frequente e os riscos para que se desenvolva a impotência sexual aumentam.

Dados sobre impotência

A Sociedade Brasileira de Urologia estima que cerca de 48% dos homens com mais de 40 anos já apresentam algum tipo de queixa relacionada com problemas de ereção.

Já aos 70 anos de idade, esse índice sobe para quase 70% enquanto para casos de disfunções graves a estimativa é de que o índice seja de 20% para homens de 40 anos de idade e de 50% para homens com cerca de 70 anos de idade.

O mais importante é que, independentemente da idade, o homem procure ajuda quando sentir os primeiros sinais do problema, pois normalmente pode ser revertido quando detectado precocemente.

Dicas para combater a impotência na terceira idade

É de consenso geral, que a vida sexual é importante independentemente da idade. O sexo, além de prazeroso, ajuda a manter a saúde, levanta a autoestima, permite a aproximação, intimidade e envolvimento das pessoas.

Com o avanço da idade o corpo tende a definhar e apresentar problema para realizar algumas funções.

A libido sexual pode diminuir e as ereções se tornarem mais difíceis de ocorrer e principalmente mantê-la.

Esta situações pode ser desencadeada por vários fatores, tanto físicos, como emocionais ou psicológicos.

Se esta for a situação que você se encontra, não é motivo para desanimo.

Se você tiver cuidados com a sua saúde, seu corpo pode funcionar muito bem e manter suas ereções até os oitenta anos.

A impotência sexual masculina é um problema muito comum e pode atingir os homens em qualquer idade. Mas o bom que hoje em dia já existem produtos naturais que ajuda a combater esse problema, e o power libid é um ótimo estimulante sexual para tratar a disfunção erétil.

Por que a impotência é mais comum na terceira idade?

Precisamos deixar bem claro que este fato não é uma regra.

Alguns homens que mantem bons hábitos de saúde, como exercícios físicos regulares, alimentação saudável, não fumam, não fazem uso excessivo de bebida alcoólica, mesmo com a chegada da terceira idade estão em plena atividade sexual.

Para ter e manter uma ereção satisfatória é necessário que haja um fluxo sanguíneo intenso que vai dilatar os corpos cavernosos do pênis.

Todo este processo de ter e manter a ereção está diretamente ligado a saúde física, emocional e mental do homem.

Dependendo do estilo de vida de cada, é na terceira idade que os homens começam a manifestar algumas doenças (principalmente as relacionadas a circulação) como a hipertensão e a diabetes.

Outras alterações hormonais, neurológicas, doenças crônicas, sedentarismo, tabagismo, colesterol alto, consumo excessivo de bebida alcoólica também estão relacionados com a impotência sexual na terceira idade.

Pesquisas revelam que a partir dos 45 anos um número considerável de homens apresentam relatos de impotência que estão relacionados a queda nos níveis de testosterona.

Fatores emocionais podem influência a impotência na terceira idade?

Sim. Existem várias causas psicológicas como a baixa autoestima, depressão, medo, ansiedade, traumas, estresse, frustração, etc. que estão diretamente relacionadas com a impotência na terceira idade.

Uma das causas mais frequentes é o medo de “falhar” na hora “H”.

Quais as alternativas?

As alternativas são muitas e vai depender do seu caso. Procure um especialista e fale dos problemas e dúvidas que lhe afligem.

Existem muitas pessoas com problemas de impotência, assim como existem muitas soluções.

Busque estas soluções, assim como conversar com a sua parceira, pois existem várias formas de viver a sexualidade.

Como superar os problemas de ereção aos 40 anos

Sofrer de problemas de ereção é uma situação muito mais comum do que você imagina. É natural que, ao longo dos anos, o homem perca sua capacidade de manter seu membro ereto por muito mais tempo.

É também conhecida como impotência, que é a incapacidade do homem para obter ereções rápidas ou mantê-las por um longo período de tempo durante a relação sexual com sua parceira.

Os anos passam e esses problemas estão se tornando mais frequentes. Ao atingir a idade de 40 anos, um processo de mudança no físico começa de forma radical, resultando na perda de velocidade no metabolismo, sofrendo de estresse e queda da testosterona, a melhor forma para recuperar a testosterona é você fazer o uso do Xanimal que é um estimulante sexual a base de maca peruana e zma que tem objetivo de fazer a reposição da testosterona.

A idade é um ponto de grande relevância para todos os homens, mas lembre-se sempre que, enquanto você está em boas condições físicas, a idade começa a perder relevância.

A boa notícia é que esse problema tem uma solução e você pode usar vários métodos e soluções para manter as ereções por mais tempo e satisfazer seu parceiro, independentemente de você já ter atingido 40 anos.

Por que a ereção começa a falhar a partir dos anos 40?

Ao longo dos anos não perdoa, faz com que a pessoa perca suas atitudes, seu físico e até mesmo a paixão e desejo de ter relações sexuais. Uma coisa é ter problemas de ereção como uma pessoa jovem e outra muito diferente de uma pessoa de 40 anos que pode manter relações com a mesma pessoa como sempre, pode desencadear algumas conseqüências.

Estas podem ser a perda de apetite sexual, paixão e desejo por isso. Isso pode ser acompanhado por um estilo de vida rotineiro, sempre fazendo as mesmas atividades e tudo de uma maneira monótona, afetando o homem e seu desejo de fazer sexo que finalmente termina em problemas de ereção.

Uma boa opção para superar os problemas de ereção desse tipo é mudar a rotina, criar novos cenários para fazer amor, experimentar coisas novas como objetos sexuais, posições diferentes, a fim de explorar a sexualidade um pouco além do usual para ver se Você obtém uma ereção mais forte e sustentada.

Mas se a coisa for além e se tornar um problema físico do homem, o conselho que lhe dou abaixo pode ajudá-lo tremendamente a resolver problemas para ter uma ereção. Soluções e técnicas para superar a perda de ereção aos 40 anos

Estas técnicas são muito eficazes e, acima de tudo, muito fáceis de executar para qualquer homem. Para conseguir mais tempo, preste muita atenção:

Leia também: Ejaculaçao precoce tratamento natural

1. Mude o estilo de vida e fique ativo

Esqueça levar uma vida sedentária, fazer nada é prejudicial ao seu físico, uma vez que em uma certa idade, será muito útil para realizar algum tipo de atividade que é muito benéfico para a saúde.

Mude esse estilo de vida e torne-se um homem mais ativo, faça exercícios cardiovasculares, algumas atividades esportivas e, se estiver ao seu alcance, vá a uma academia.

Tente esquecer os maus hábitos como os cigarros, isso não traz nenhum benefício positivo, ao contrário, é exatamente o oposto, tem muitos efeitos negativos para você e seu corpo.

2. Visita a um nutricionista

Se você tem dúvidas sobre o que você pode comer e o que você não pode, é hora de ir a um especialista para orientá-lo sobre isso. Você deve deixar de lado o colesterol e os alimentos prejudiciais e começar a ter uma dieta mais equilibrada.

Você pode incluir alguns vegetais e alimentos que ajudam a melhorar o poder das ereções. Alguns deles são ostras, salmão, melancia ou melão, suco de romã, nozes, cebola, alho etc.

Há também outras especiarias que são muito benéficas para manter uma boa ereção e incluem canela, baunilha e açafrão.

3. Priorize o resto do seu corpo e mente

Se você tem 40 anos ou mais, o descanso é obrigatório para se manter saudável, especialmente se você vive uma vida estressante ou se está ansioso. O tempo mínimo para dormir é pelo menos 8 horas por dia e se você tiver problemas para fazê-lo, existem exercícios para relaxar que são maravilhosos.

4. Faça algum esporte

Existem disciplinas que podem ajudá-lo com seu objetivo, como yoga ou artes marciais, como karatê ou taekwondo, que relaxam o corpo e a mente, permitindo que você liberte o estresse e esqueça os problemas do dia-a-dia.

5. Cuide da sua saúde

Ter colesterol alto pode fazer com que você acabe sendo uma pessoa hipertensa, e isso significa apenas uma coisa, problemas de ereção. Lembre-se de que somos o que fazemos e o que comemos, portanto, comece a cuidar de sua saúde a partir de agora e elimine tudo o que for prejudicial à saúde de suas refeições.

6. Tente comer alimentos com altos níveis de testosterona

Com a chegada dos anos maduros, os homens começaram a perder o que é conhecido em inglês como “testosterona livre”. Os níveis de testosterona começam a diminuir, mas podemos ajudar o nosso corpo a aumentá-lo naturalmente e há alimentos que funcionam com isso, como morangos, ovos, nozes, espinafre e lembre-se sempre de cozinhar com azeite de oliva.

Inclua tudo o que for benéfico para você, em sua dieta e você perceberá que se sentirá muito mais forte e vigoroso, sem contar que também conseguirá se manter saudável, sendo capaz de superar problemas de ereção para continuar desfrutando do sexo com seu parceiro.